A saúde no adolescer com HIV/aids: caminhos para uma agenda pós-2015

@inproceedings{Sehnem2015ASN,
  title={A sa{\'u}de no adolescer com HIV/aids: caminhos para uma agenda p{\'o}s-2015},
  author={Graciela Dutra Sehnem and Jeanine Porto Brondani and Karen Jeanne Cantarelli Kantorski and Silvana Cristina da Silva and L{\'u}cia Beatriz Ressel and Eva N{\'e}ri Rubim Pedro},
  year={2015}
}
Objetivo: Relacionar a percepcao de saude do adolescente que vive com HIV/aids com possiveis estrategias para reduzir a propagacao do virus. Metodo: Estudo qualitativo, exploratorio-descritivo, desenvolvido no Servico de Atendimento Especializado, em um municipio do interior do Rio Grande do Sul, com 15 adolescentes que vivem com HIV/aids. As informacoes foram coletadas em 2013 por meio de entrevista semiestruturada e analisadas pela analise tematica. Resultados: A analise das informacoes… 
3 Citations
Vivências dos adolescentes com a infecção pelo HIV: perspectivas para melhoria do cuidado à saúde
Tem-se como objetivo desta pesquisa conhecer as vivências dos adolescentes com a infecção pelo HIV e suas perspectivas para melhoria do cuidado à saúde. Pesquisa qualitativa, descritiva e
Changes in living from the child / adolescent diagnosis with HIV/AIDS and facilities found in care
Objetivo : A pesquisa que se apresenta tem como objetivo conhecer as mudancas no viver a partir do diagnostico da crianca/adolescente com HIV/AIDS e facilidades no cuidado exercido. Metodologia:
Experiences of teenagers related to hospitalization for sensitive conditions primary health care
TLDR
For adolescents experiencing hospitalization, negative emotional reactions associated with the rupture and separation of family and peers emerged and hospitalization was permeated by ambiguous feelings, as they sometimes understood the importance of treatment to improve their health condition and sometimes did not accept to have their routine interrupted.

References

SHOWING 1-10 OF 13 REFERENCES
Infecção pelo HIV em adolescentes do sexo feminino: um estudo qualitativo
TLDR
Reduzir a feminizacao da Aids implica em ampliar e aprofundar o debate em torno da sexualidade e dos dilemas vivenciados por adolescentes a respeito desse assunto.
O cotidiano do ser-adolescente com aids: movmento ou momento existencial ?
TLDR
A entrevista com 11 meninos/meninas (12-14 anos) nao institucionalizados, que conheciam seu diagnostico, ocorreu depois da aprovacao do projeto pelo Comite de Etica de tres instituicoes do Rio de Janeiro, cenarios da pesquisa.
Relacionamentos e interações no adolescer saudável
Este estudo teve como objetivo conhecer a percepcao de adolescentes acerca dos relacionamentos e interacoes no processo de adolescer saudavel. Tratou-se de uma pesquisa qualitativa do tipo
A influência da família na vivência da sexualidade de mulheres adolescentes
O objetivo deste trabalho consistiu em identificar a influencia da familia na vivencia da sexualidade de mulheres adolescentes. Trata-se de uma pesquisa de campo, descritiva, com abordagem
A história infantil como recurso na compreensão do processo saúde-doença pela criança com HIV
O estudo analisou como uma historia infantil, contendo questoes relacionadas a Sindrome da Imunodeficiencia Adquirida, contribui para a compreensao do processo saude-doenca pela crianca com o Virus
Implicações do uso da terapia antirretroviral no modo de viver de crianças com Aids
TLDR
A coleta de informacao iniciou-se somente apos aprovacao em Comite de Etica em Pesquisa e foi realizada por meio da tecnica de Grupo Focal, que objetivou conhecer o viver de criancas portadoras de aids e as implicacoes do uso da terapia antirretroviral.
Os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio e o compromisso social das pesquisas de Enfermagem
No ano 2000, a Organizacao das Nacoes Unidas (ONU) reuniu representantes de 191 paises, chefes de Estado e de governo, na reuniao "Cupula do Milenio da ONU". Nas discussoes foram tracados oito
O cotidiano do adolescente que tem HIV/AIDS: impessoalidade e disposição ao temor
TLDR
The phenomenological investigation aimed to understand the therapeutic routine of adolescents with HIV/AIDS revealed that the being-adolescent is presented as a being-with-in-the-world through the impersonality of the characteristics of adolescence and the occupation with activities of the daily living.
Crianças e adolescentes com HIV/Aids: revisão de estudos sobre revelação do diagnóstico, adesão e estigma
TLDR
It is concluded that caregivers tend to postpone the disclosure of diagnosis, fear of stigma may hinder open communication about the disease and treatment, with negative repercussions on adherence of children and adolescents with HIV.
...
...